domingo, outubro 02, 2005

água leva o regador



Como a chuva não vem, há que continuar a regar o jardim. Não esquecendo que a poupança de água é, e será, sempre obrigatória!
Acertar com a quantidade certa de água para cada tipo de planta (sem a matar à sede ou encharcar) é um exercício de rigor que distingue um bom de um mau jardineiro.
Na EP[S] de 11 de setembro de 2005, Pilar Gómez-Centurión ensina-nos um dos segredos mais importantes da jardinagem: a rega.

(dic. - césped = relvado; macetas = floreiras)

3 comentários:

floreseabelhas disse...

água leva e vai regar... Não é qq coisa assim?
Bora vir ver o ecplipse, amanhã? 09h53

Ver disse...

Pois é..., mas por mais que se regue as plantas continuam sequiosas é de chuva.
rosa

jardineira disse...

as plantas e nós *: )