quarta-feira, março 01, 2006

um livro à quarta (V)

Se há actividade que exprima plenamente o domínio do homem sobre a natureza, ela é necessariamente a topiaria. Também conhecida por poda ornamental, a topiária consiste em diversas técnicas de poda através das quais se pode conferir uma forma a uma determinada planta ou conjunto de plantas.
Apesar da excessiva formalidade e da ideia de mutilação que tais técnicas sugerem, não consigo deixar de achar fantásticos os pássaros, as bolas, os labirintos que os jardineiros experientes conseguem talhar em buxo e as casas-de-fresco feitas com cameleiras.
O livro que tirei da estante nesta semana é um excelente guia para quem gosta de topiária. Os texto experientes de David Joyce vão explicando passo-a-passo as diferentes técnicas que permitem transformar um arbusto ou uma árvore numa escultura orgânica ou num elemento arquitectónico na paisagem. Cada técnica é documentada com fotos e ilustrada pelas aguarelas de Laura Stoddart. O que torna o livro mais precioso ainda!
Joyce, David e Stoddart, Laura (ilustr.) -Topiary and the art of training plants. Firefly Books Ltd , 2000

7 comentários:

sofia3r disse...

Concordo contigo, também prefiro a natureza mais selvagem, mas estas técnicas fazem lembrar o mundo fascinante do Eduardo Mãos de Tesoura e têm o seu encanto indiscutível... O livro parece ser muito bonito.

As Musas disse...

Quando vi a capa do livro, lembrei-me de uns dos 1ºs quadros que fiz em ponto cruz para vender, era tão parecido com a capa.
Depois percebi o que a palavra Topiária quer dizer (não sabia), esse livro era optimo para eu treinar nos meus três arbustos, é que a minha imaginação é muito limitada à tesoura eh eh eh eh 1 é rectagular (a imitar um muro) e os outros dois redondos de cada lado do portão..... não consigo melhor!

matarbustos disse...

topiaria, palavrinha nova para o meu dicionário
concordo com o que diz a sofia3r, ao natural é melhor mas quando a arte se revela, a beleza surge.

Anónimo disse...

Sobre topiária, talvez gostem de ler o texto de R. Braga aqui
http://dias-com-arvores.blogspot.com/2004/12/os-fcus-do-senhor.html

jardineira disse...

obrigada, m.!

Anónimo disse...

Grato pela indicação.

Aqui no Brasil estamos torcendo por sua seleção!

Um abraço de São Paulo,

Marcelo

minhas criações disse...

onde vc comprou as sementes de ervilha de cheiro, quanto pagou e qual o fabricante?

super massa essas tuas fotos, também adoro observar as plantas crescendo.
abraços.