sábado, março 18, 2006

e a experiência continua...


Ao fim de onze dias de "teste", metade das sementes de ervilhas-de-cheiro (lathyrus odoratus) germinam com toda a força. Sete sementes tiveram de ser eliminadas por apresentarem sinais de fungos e bolor.
No tabuleiro acima, agora passado para junto da base com água para receber mais humidade, três sementes de pimpinela-escarlate (anagalis arvensis) apresentam já uns frágeis rebentinhos verdes.
A experiência continuará a ser relatada no Flickr.
E, porque nem tudo são boas notícias, a estreia da estufa que comprei no Lidl acabou em desgraça. Os rabanetes acabaram "cozidos a vapor" com o calor do ínicio da semana! Já estavam bem desenvolvidos, prontos a ser transplantados para o local definitivo :(
Foi uma tolice deixar a estufa fechada durante o dia.
Tive de voltar ao início, com novas sementes. Espero que as de beringela, tomate, zínias e ervilhas-de-cheiro, que ainda se encontram debaixo da terra, não tenham tido a mesma sorte.

7 comentários:

Ronymaru. disse...

Rse tomate se ve tremendo.

jardineira disse...

pois... o "tomate" (que por acaso é uma semente de ervilha-de-cheiro) treme e está tremendo (=horrível) *:))) prometo melhor reportagem amanhã, à luz do dia!

Jardineira aprendiz disse...

Pois, já me aconteceu a mesma coisa, acho que é complicado deixá-las ao sol directo, principalmente se não tiverem abertura. Uma solução é usá-las com luz indirecta, embora às vezes as plantas fiquem com o pescocinho esticado!

jardineira disse...

Neste caso, o problema foi mesmo a cobertura plástica que fez com que o vapor todo se condensasse lá dentro. :( Agora, corro sempre os fechos para cima para ventilar melhor.

Henrique disse...

Olha Jardineira, uma vez em minha casa disseste-me que estares lá era uma visita à tua infância!
Pois estes momentos neste teu jardim são um retorno à minha: só que na altura eu não tinha um suporte tão bonito: tinha algodão!
Obrigado.

jardineira disse...

Quico do germinador non-tech, surpresa! *:)

Arte do Chá disse...

Achei maravilhosa essa experiência, e a fotografia está demais!!!