sexta-feira, setembro 02, 2005

a ler

um levantamento dos projectos de hortas sociais na margem sul do Tejo. No a-sul.

2 comentários:

Ambientalistas da Amadora disse...

Como seria bom se as hortas comunitárias se espalhassem por todos os concelhos do país, especialmente os urbanos. Creio que seguramente teriamos mais prazer em viver nos nossos bairros. Já estou a imaginar... Amadora, Massamá, Queluz, Brandoa, entre tantos outros locais densamente povoados.

Ambientalistas da Amadora
http://ambientalistasdaamadora.blogspot.com/

jardineira disse...

especialmente porque as pessoas re-descobririam o prazer de cultivar alimentos para seu próprio consumo, mais seguros e variados.