sexta-feira, novembro 11, 2005

o dia da papoila


Photo © Andrew Dunn

À 11ª hora do 11º dia do 11º mês de 1918, a paz voltou à frente ocidental. O Armistício assinalava o fim da I Grande Guerra. No Reino Unido, comemorou-se hoje o Remembrance Day e lembraram-se os mortos caídos nas duas Grandes Guerras. Cada britânico coloca na lapela uma papoila artificial comprada aos veteranos da Royal British Legion.
Tudo começou com o poema In Flanders Fields escrito pelo major canadiano John McCrae, no qual evocava os campos de batalha da frente ocidental. Os abalos causados pelas bombas no solo desses campos da Flandres haviam "despertado" as sementes de papoila que permaneciam adormecidas na terra há anos. Por sujestão da poetisa americana Moira Michael, usa-se esta flor em memória dos homens que tombaram nesses campos de sangue.

2 comentários:

Draco disse...

Não há como os ingleses para terem comemorações e tradições "romanticas"...
;-)
beautifull!...

Anónimo disse...

Muito lindo :)

fPontes