quarta-feira, abril 05, 2006

um livro à quarta (IX)


Cinco minutos de pausa no trabalho (ufa!) para pensar que estou a poucos dias de sair para o campo, de caderno e máquina na mão, e fotografar, fotografar, fotografar a vegetação espontânea que for encontrando pelo caminho.

Para preparar a saída:
Conhecer as Plantas nos seus Habitats.
autores: Rosa Pinho , Lísia Lopes, Fernando Leão e Fernando Morgado.
Lisboa: Plátano - Edições Técnicas, 2003

9 comentários:

sofia3r disse...

Então fotografa e mostra, não te esqueças. Gostamos sempre de ver. Quanto ao livro, vou procurá-lo.

Ver disse...

Também tenho planos semelhantes para a vegetação espontânea que se cruzar comigo durante a próxima semana. Ver, Fotografar, cheirar, procurar, brincar....

Jardineira aprendiz disse...

Pois, eu também vinha pedir para ver algumas dessas fotos...
Boas férias!

As Musas disse...

Isto promete, ai promete sim senhora!
A primeira foto são ervilhas de cheiro, não são?

jardineira disse...

Claro que mostro!!*: ) vão estar todas no flickr. E vou precisar, com certeza, da vossa ajuda para identificar as menos conhecidas. É o caso das primeiras flores que,apesar da folha ser da ervilhaca (bom olho, sónia!), têm uma flor bem diferente... hibrído? como diz o filósofo "só sei que nada sei". *: ) mas vou descobrir. se alguém quiser ajudar, será bem-vindo.
Rosa, como vou um pouco para sul talvez nos encontremos a meio do caminho *:) boas recolhas, experiências, sensações, descobertas!

Ponto Verde disse...

O escândalo do Metro Sul do Tejo em www.a-sul.blogspot.com

Jardineira aprendiz disse...

Só agora é que percebi o que é o flickr! Ainda não percebi bem como é que funciona, mas vi lá fotos magníficas! Não vi nenhuma de ervilhaca, por isso acho que não me orientei lá muito bem! Continuação de boas férias!

merdinhas disse...

Boa educação essa.

Ponto Verde disse...

Anedota de Páscoa, Câmara de Almada pretende ser exemplo e auxiliar de boas práticas ciclisticas para os PALOP´s ver em www.a-sul.blogspot.com

Faz o que eu digo, mas não olhes para o que eu faço.