quarta-feira, fevereiro 15, 2006

um livro à quarta (III)

(fundo da imagem: print de Howard Sooley)
Gosto da forma como começa: Este libro trata de pequeñas cosas.
Adivinho um livro escrito por alguém atento, metódico e sistemático, com uma tremenda capacidade de ver e interpretar o que descobre. Depois de o folhear e ler a introdução, no tal fim de tarde na Laie, vejo que não me enganei. Revela-se um trabalho de reflexão sensível sobre os múltiplos processos e dinâmicas de paisagem (parques eólicos, caminhos de água, culturas intensivas de árvores, muros, jardins e pátios ...) registados ao longo de uma década.
As páginas dedicadas à "agricultura-floresta-paisagem" são as que mais me interessam. Encontrei uma referência útil aos engenhos da horta (os cataventos, os espantalhos, os suportes para plantas trepadeiras feitos de canas, por exemplo) que me ajudou a organizar as fotografias que tenho feito por aí sobre essas "engenhocas". Para além disso, ganhei novas inspirações para coleccionar outros truques e inventos - os sulcos distribuidores de água, os separadores de culturas, as protecções contra o sol e vento, as armadilhas e protecções contra pragas. Tudo isto numa página só!! Imaginem então a emoção que é ler as 283 páginas do livro...
Galí-Izard, Teresa. Los mismos paisajes. Ideas e interpretaciones │ The same landscapes. Ideas and interpretations. Barcelona: Editorial Gustavo Gili, 2005.

4 comentários:

merdinhas disse...

pequeñas cosas que ficam bem no teu jardim

sofia3r disse...

Só para ter cataventos e espantalhos eu gostava de uma horta.

Cláudia disse...

Deve ser super interessante!

As Musas disse...

Que bom, sabes nunca pensei nessa dos cataventos... interessante para colocar na minha horta (parada à um ano...).
É tão bom quando folheamos um livro e ficamos inspirados, não é?